Placar UFC: Brasil faz 2 a 1 em Wichita

Por Léo Frias

Aconteceu ontem, em Wichita, nos EUA, mais uma edição do UFC, e o balanço foi positivo para os brasileiros.

Junior Cigano venceu Derrick Lewis no main event, por nocaute técnico no segundo round e, de quebra, faturou, junto com seu adversário, o bônus de luta da noite. Com este resultado, o ex-campeão da divisão chega à sua terceira vitória consecutiva. Anteriormente, Cigano já havia derrotado Tai Tuivasa por nocaute técnico e Blagoy Ivanov por decisão unânime.

Cigano nocauteia Lewis e alcança a sua 3ª vitória consecutiva (Foto: Divulgação)

Já Elizeu Capoeira fez o dever de casa contra Curtis Millender no co-main event e finalizou seu oponente, com um mata-leão ainda no primeiro round.

Para o colaborador do portal Main Event, Lucas Rodrigues, com a vitória sobre Millender, Elizeu se firmou como um dos principais nomes da divisão:

“É a sétima vitória consecutiva do Elizeu dentro do UFC. Uma vitória maiúscula sobre um atleta que também vive grande fase. Millender teve sua sequência de nove vitórias consecutivas interrompida pelo brasileiro. Resultado espetacular que coloca o atleta da CM System como um futuro desafiante ao título. Um top 5 na próxima luta cairia bem!”

Elizeu Capoeira não toma conhecimento de Curtis Millender e finaliza ainda no primeiro assalto (Foto: Divulgação)

A derrota brasileira ficou por conta de Serginho Moraes. O atleta da Evolução Thai evoluiu pouco no chão nas vezes em que conseguiu colocar a luta para baixo e viu seu adversário frustrar suas investidas, usando bem o jogo de contra-ataque. O resultado disso foi a vitória de Tony Martin por decisão unânime.

UFC Wichita
9 de março de 2019, no Kansas (EUA)

CARD PRINCIPAL

Junior Cigano venceu Derrick Lewis por nocaute técnico a 1min58s do R2
Elizeu Capoeira venceu Curtis Millender por finalização aos 2min35s do R1
Niko Price venceu Tim Means por nocaute técnico aos 4min50s do R1
Blagoy Ivanov venceu Ben Rothwell por decisão unânime (triplo 29-28)
Beneil Dariush venceu Drew Dober por finalização aos 4min41s do R2
Omari Akhmedov venceu Tim Boetsch por decisão unânime (triplo 30-27)

CARD PRELIMINAR

Anthony Rocco Martin venceu Serginho Moraes por decisão unânime (triplo 30-27) 
Yana Kunitskaya venceu Marion Reneau por decisão unânime (triplo 29-28) 
Grant Dawson venceu Julian Erosa por decisão unânime (30-26, 30-27 e 29-27) Maurice Greene venceu Jeff Hughes por decisão dividida (29-28, 28-29 e 29-28)
Matt Schnell venceu Louis Smolka por finalização aos 3min18s do R1
Alex Morono venceu Zak Ottow por nocaute técnico aos 3min34s do R1
Alex White venceu Dan Moret por decisão unânime (triplo 29-28)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s